Conheça a logística de importação dos produtos da Binding Site

Um dos grandes desafios operacionais da Binding Site Brasil e da Binding Site América Latina é a logística de importação de nossos produtos. Todos os testes são produzidos em nossa sede, em Birmingham, no Centro-Oeste da Inglaterra – há mais de 8 mil km de nossa base operacional, em São Carlos. Como vencer o Atlântico que nos separa sem perder em nada a qualidade?

Três palavras dão conta de responder a essa pergunta: cuidado, empenho e procedimento. Neste artigo, contaremos como funciona o passo a passo de nossas importações, quais os principais pontos de atenção, como é feito o transporte em todas as etapas e de que maneira os produtos são armazenados.

Para isso, contamos com a ajuda das informações valiosas da analista de Qualidade da Binding Site, Ludmilla Perotti. Agradecemos ainda o apoio do nosso coordenador administrativo Edgardo Goffredo e do assistente de logística, Everaldo Ferreira.

Pedidos

No Brasil, os pedidos são feitos mensalmente com base no consumo dos laboratórios atendidos pela Binding Site. “Mantemos um estoque de pelo menos três meses para assegurar o suprimento das necessidades dos nossos clientes”, observa Ludmilla.

Os testes e demais itens de importação seguem todos para São Carlos, no interior paulista, de onde são distribuídos aos quatro cantos do Brasil. “Em São Carlos temos um local de armazenagem devidamente projetado, equipado, aprovado e autorizado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e Vigilância Sanitária Municipal para a realização de nossa atividade”, frisa a analista.

Na América Latina, os pedidos são feitos diretamente à sede em Birmingham, de acordo com a demanda de cada país, para que não haja custos e tarifação em excesso. Argentina, México, Colômbia, Peru, Venezuela, República Dominicana, Guatemala, Costa Rica, Panamá, Paraguai, Bolívia, Equador, Chile e Uruguai são os principais mercados atendidos.

Estamos em negociação com outros países para também atendê-los com nossos produtos.

Saída

Todos os testes são armazenados em temperatura de 2°C a 8°C. Esse intervalo foi considerado o ideal para garantir maior estabilidade aos produtos, após uma série de testes realizados durante os processos de aprovação.

Os produtos são especialmente embalados e acondicionados em caixas térmicas validadas, que garantem a qualidade até a entrega no cliente final. O transporte é feito por empresa certificada e especializada nesse tipo de atividade – o que contribui para que a entrega ocorra sem problemas.

São os testes de estabilidade que determinam a validade dos produtos, que oscilam entre seis e 36 meses.

Na Inglaterra, o controle de qualidade segue padrões extremamente rigorosos, auditado pelo MDSAP (Medical Device Single Audit Program) – além de ser reconhecido pelas principais entidades reguladoras do mundo, o que nos proporcionou a certificação em Boas Práticas de Fabricação.

Chegada

No Brasil, seguimos as normas de Boas Práticas de Fabricação (RDC 16/2013) e a autorização da Anvisa (AFE – Autorização Funcionamento de Empresa) para importar e distribuir nossos produtos. 

Dessa maneira, agimos com todo cuidado na escolha dos fornecedores que prestam os serviços aduaneiro e de transporte, com critérios avaliados anualmente.

“Trabalhamos com procedimentos e instruções de trabalho padronizadas em todas as etapas relacionadas para garantir a qualidade dos produtos. Somente com este rigor garantimos que os testes cheguem com a mesma qualidade de quando nossa matriz os enviou”, argumenta a analista.

O controle é padronizado e todos os países latino-americanos com os quais a Binding Site tem negócios obedecem a política internacional de qualidade TBS.

Independente do local, o maior desafio é o mesmo: diminuir sempre o tempo do processo de importação, desde quando o produto sai de Birmingham até chegar ao nosso armazém em São Carlos ou aos diversos laboratórios parceiros distribuídos no Brasil e na América Latina.

“O tempo de todo processo também influencia e garante a qualidade. Assim, é preciso que tudo ocorra da forma mais rápida possível, sem que ocorram falhas nos processos. Com isso, o custo também diminui e se torna mais acessível”, observa Ludmilla.

Contato

Aqui em nosso blog você tem acesso a outros artigos que contam mais sobre os nossos procedimentos e produtos. Conheça-os, compartilhe e, sempre que possível, entre em contato.